Publicidade

quinta-feira, 24 de junho de 2010 Vídeo | 12:50

O saca-rolhas sumiu! Como abrir sua garrafa de vinho

Compartilhe: Twitter

As águas vão rolar,
garrafa cheia eu não quero ver sobrar,
eu passo a mão na saca, saca, saca-rolha

Imagine o seguinte cenário: um jantar à luz de velas com sua amada (ou seu amado). O risoto ficou no ponto, o carré de cordeiro está macio, o molho tem consistência e sabor. Talheres de prata, louça impecável e taças alinhadas, mas ainda vazias. Você seleciona o vinho tinto da melhor safra de sua adega climatizada. O rótulo escolhido harmoniza perfeitamente com o prato: encorpado, com taninos firmes, de longa persistência na boca e aromas de frutas maduras e madeira bem integrada. A expectativa se forma em torno da garrafa. Chegou o momento de desarrolhá-la. Faltou o saca-rolhas. Você vai buscá-lo.

O saca-rolhas não está no lugar de sempre!  Caminha até a cozinha e revira as gavetas. Nada. Sai em disparada até o buffet da sala e abre todas as portas. Nem sinal. Princípio de pânico.  Sua (seu) convidada(o) percebe que algo saiu do planejado, acompanha a movimentação com os olhos e sorri compreensiva diante de uma comida que começa a esfriar. O copo permanece vazio. Deus do céu, o saca-rolhas sumiu! O que você faz?

Seus problemas se acabaram-se!

Cioso das rasteiras que a vida nos dá e atento aos pequenos detalhes que podem transformar um evento em uma tragédia pessoal, o Blog do Vinho propõe as alternativas mostradas nos vídeos abaixo, conhecidos de quem navega pelo Youtube. Tratam-se de algumas soluções para liberar o precioso fermentado da garrafa nos momentos em que o saca-rolhas se desmaterializa. Aprenda, então, alguns métodos para abrir seu vinho sem a ferramenta apropriada: o saca-rolhas. E sem quebrar o gargalo, claro!

Método assaltando a caixa de ferramentas do papai

Método um pano e uma árvore

Método só no sapatinho

Rolhas antigas, todo cuidado é pouco

Já que o tema são as rolhas – e como retirá-las -, outro perigo que ameaça o prazer dos enófilos é o vinho de guarda, que muitas vezes apresenta uma cortiça de textura fragilizada, com risco de esfarelar, quebrar ou teimar em não se mover do gargalo. Aqui é necessário aliar a destreza com uma ferramenta apropriada: um saca-rolhas de lâminas paralelas. Na sequência abaixo, já exibida neste Blog (Leia o post Bons Vinhos, baixa gastronomia e grandes amigos), um confrade retira com maestria a rolha de um rioja da safra de 1986.

Passo a passo com um saca-rolhas tradicional

Ok, você tem o equipamento adequado! O vídeo abaixo mostra os cuidados para abrir da maneira correta sua garrafa de vinho.

Leia também:

Cortiça, sintética, vidro, alumínio. Várias maneiras de tampar um vinho

Autor: Tags: ,

29 comentários | Comentar

  1. 9 marco vinicio 25/06/2010 8:18

    hehehe gostei pacas ja cheguei a quebrar o bico da garafa pra beber o vinho
    muito massa esses metodos heheh agora querro ver não quebro mais garrafas e nem o saca rolhas rsrsrs

    Responder
  2. 8 FLORIANO OLIVEIRA 25/06/2010 7:58

    Boas sugestões, mas para evitar esse deus nos acuda se vc ficar sem o saca-rolhas, tome vinho, Chapinha, Dom Bosco e mais alguns cuja vedação é de rosca… rsrsrsrsrsrs

    Responder
  3. 7 wilson 24/06/2010 23:57

    saca rolha

    Responder
  4. 6 Juvenil de Paula 24/06/2010 23:56

    Muito bom.Gostei muito. Aos 78 anos, aprendi algo. Interessante! Um parafuso, uma chave de fenda e um martelo para puxar. Já deixei de beber um vinho por falta do saca-rolha.Juvenil

    Responder
    • Diná 29/06/2010 10:40

      ótimo essa maneira de abrir com o parafuso por várias X cheguei a quebrar toda a rolha equer acabava caindo no liquido

  5. 5 Fabio 24/06/2010 22:09

    Já me deparei com esta situação várias vezes e o melhor resultado consegui com uma faca pequena, de ponta. A largura da lâmina tem que ser menor que o diâmetro da rolha.
    Cuidadosamente enfio a faca na rolha, com leves movimentos de vai-e-vem para não empurrar a rolha para dentro da garrafa. Com a faca já bastante fincada, torço como se fosse desatarrachar, puxando para fora. O atrito da lâmina sobre a rolha, estático, é maior que o entre a rolha girando e o vidro. Este procedimento não abala o conteúdo da garrafa, como no processo de batê-la numa árvore(!!!!).

    Responder
  6. 4 tarcisio 24/06/2010 20:21

    Usei um parafuso autoatarrachante e uma alicate

    Responder
  7. 3 João Batista S Andrade 24/06/2010 20:07

    A do parafuso, simplesmente a mais engenhosa de todas.

    Responder
  8. 2 Jose Antonio A. Jardim 24/06/2010 14:14

    Achei super legal esta forma de retirar a rolha como prego e o martelo, as outras já conhecia, muito bom ,parabéns para o inventor. nota dez.

    Jose Antonio

    Responder
    • Raimundo 24/06/2010 19:49

      Não é prego, é parafuso de rosca soberba.

  9. 1 eliane (http://twitter.com/elii_sa) 24/06/2010 13:58

    Em Praga, na véspera do Natal de 2008, deparo-me com uma garrafa de Chablis e sem nenhum sacarrolha…. acabei por conseguir abrí-la com um… cabide! Usei uma chave de cadeado para furar a rolha e, no buraquinho, com muita paciência, fui encaixando a parte do cabide que encaixa no rodízio do guardarroupa. Quando estava firme, encaixei a garrafa entre as pernas e, com as 2 mãos, puxei a madeira onde se pendura a roupa. A rolha saiu… foi um dos melhores Chablis que tomei na vida!

    Responder
  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. Última
  6. ver todos os comentários
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios